QUER NAMORAR COMIGO


Todos conhecem, ou ouviram falar de Maurício de Sousa. O nosso grande mestre das histórias em quadrinhos, criador de personagens que se espalharam pelo mundo.
Pois agora, Cebolinha e Mônica deixaram de ser crianças e o nosso famoso "quadrinista" não teve saída. Seguiu a ordem natural das coisas e colocou-os a namorar.
Mas a decisão parece que não partiu do autor e sim do personagem: Cebolinha percebeu que se não tomasse uma atitude, perderia  Mônica para um outro garoto.
Os dois, que tantas polêmicas protagonizaram quando crianças, aparecem se beijando na revista alusiva ao dia dos namorados.
Evoluiram e nem o autor foi capaz de fazê-los permanecer crianças.


Certamente será um marco. O rompimento da fantasia para a realidade, que trará consequências.
Vejam a capa da edição “Quer namorar comigo”. Um beijo ainda meio infantil que está ensaiando a pré-adolescencia.
Tudo certinho: narizes ajeitados nos seus lugares, lábios perfeitamente colados, cabelos revoltos, anel de compromisso na mão da Mônica e abraços que selam um início, dando a entender que há tempos a evolução estava programada.

Maurício de Sousa não tinha saída, mas que acabou com aquele misticismo e ingenuidade, isso acabou.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O MANEZINHO E O COLEIRINHA

FLORES DE MAIO

LEMBRANDO MINHA IRMÃ