A CAMINHANTE

Na realidade, aqui no segundo andar,
sinto que estou longe,
melhor seria no primeiro,
talvez no térreo,
para senti-la melhor,
observá-la com mais cuidados:
os lábios,
os olhos,
o sorriso,
os cabelos,
sentir o cheiro,
o corpo curvelineo,
a caminhar nesta calçada
todo o dia.
Daqui distante tu és linda!

Talvez pudesse dizer-te até palavras
sem nunca gritá-las,
quem sabe ser sentido.

Bem que eu queria ser notado,
que me levasse nesse seu passeio,
ele sempre me encanta,
e me deslumbra,
e me deixa cheio
de pequenas esperanças.

Pela rotina,
sempre às nove horas.
Pelos olhares furtivos de quem procura,
fico a imaginar que estás sozinha,
ou insatisfeita busca outros horizontes.

Comentários

Ilza Polini disse…
Linda linda!!!!! Adorei.
Anônimo disse…
Encantadora forma de vislumbrar a mulher.
Quem me dera ser vista dessa forma.
Anônimo disse…
mulher de fases merece o mesmo?

Postagens mais visitadas deste blog

O MANEZINHO E O COLEIRINHA

FLORES DE MAIO

LEMBRANDO MINHA IRMÃ