COMEÇOU CEDO

Aconteceu bem antes do previsto. Nem começamos o mês de dezembro e o transporte aéreo já apresenta problemas.

O primeiro sintoma evidenciou-se na TAM, que provocou um transtorno enorme no trasporte do sul do Brasil. Ele iniciou-se logo na sexta-feira (26/11), e ainda hoje, segunda-feira (29/11), não há nada normalizado. A tendência é piorar, pois apresentava 35 partidas canceladas, até às onze horas.
O box da TAM, no aeroporto Santos Dumont, logo cedo, acumulava mais de 300 passageiros querendo voar, mas impossibilitados de fazer.
A empresa, face a tantos transtornos, não dá qualquer explicação plausível. Simplesmente informa que voos foram cancelados. Não prestam informações nem pessoalmente, nem pelo telefone.

Há dias passados, a ANAC - Agência Nacional de Aviação Civil, divulgou ao País todo que havia feito uma reunião com as empresas aéreas, pedindo que se preparassem para o movimento em decorrência das festas de natal e ano novo.
Houve compromisso de todas de não venderem passagens além da capacidade das aeronaves. Esse acordo parece não ter sido respeitado pela TAM, ao ponto de levar a ANAC a suspender todas as vendas de passagens desta empresa até sexta-feira, (03/12).

Se num final de novembro - aparentemente sem qualquer movimento - a crise já dá mostras, imaginem como será quando estivermos às vésperas das festividades.

Num voo de Florianópolis a São Paulo, do dia 26 e que tinha seu destino final Curitiba; na capital paulista os passageiros, dentro da aeronave, ficaram aguardando a partida submetidos a um calor infernal. Parado na pista, com o ar condicionado do avião desligado. Após um longo tempo de espera, o serviço de bordo informou que todos deveriam descer e aguardar no saguão, pois o avião não tinha comandante. E lá foram todos para o saguão do aeroporto de Congonhas.
Para encurtar e resumir a história: um voo do dia 26, acabou chegando em Curitiba no dia 27, às 16 horas, depois que acharam um comandante para conduzir a aeronave.
Um ônibus Florianópolis/Curitiba gasta quatro horas; um voo leva 30 minutos.
E isso aconteceu com a TAM, a companhia aérea que muitos consideram a melhor do Brasil.

Comentários

Vilminha disse…
Olá, é a alternativa é se programar pra viajar de carro, Bom eu de fim de ano vou mesmo é pro sítio descansar lá não tem telefone e celular não pega o que me deixa muito, mas muito feliz. AH! hoje o post foi sobre o CODISE, apareça por lá. Bjs e uma ótima semana de Plenária.

Postagens mais visitadas deste blog

O MANEZINHO E O COLEIRINHA

FLORES DE MAIO

TRABALHANDO EM BELÉM II